Scania 113 conheça a história desse titã das estradas

scania 113

Não é nada incomum encontrar por um, nas estradas brasileiras, um Scania 113. Na verdade, esse modelo permeou o ideal de consumo de muitos dos caminhoneiros e frotas. E, ainda hoje, é parte importante da história da logística e do crescimento do país.

Entre versões e modificações, o 113 já chegou a ser o mais vendido dos caminhões. Sua importância ficou clara na história dos caminhões por ainda ser um dos preferidos e nostálgicos modelos entre os motoristas. Tudo isso após quase 30 anos do seu lançamento.

Tendo sido uma evolução do T112, o Scania 113 foi o carro chefe da Scania por muitos anos no Brasil. Em seus 60 anos de existência, a produção do 113 foi a melhor das decisões da marca. Além disso, talvez tenha sido também a mais lucrativa, já que foi líder de mercado por anos e o modelo mais vendido da marca.

Para ajudar a entender a participação e contribuições do Scania 113 na história da logística, traçamos também a sua história. Afinal. a construção do legado da marca e do modelo, ajudaram também a formar a base do trabalho logístico no país.

História

A primeira aparição do Scania 113 se deu no ano de 1991. Embora os modelos anteriores que foram substituídos também já fossem considerados com grande líderes de sua categoria, o 113 também trouxe grandes promessas.

A ideia inicial era trazer a diferença já na questão estética dos caminhões. Para isso, os primeiros modelos do 113 apresentavam faixas decorativas diferenciadas e designs mais modernos. Embora seu lançamento já tenha sido um grande feito, o mundo dos caminhões ainda se surpreenderia com o que viria a seguir.

Em 1994, o Scania 113 firmou o seu reinado com uma nova apresentação. Nesse ano, a Scania apresentou uma versão ainda mais requintada do caminhão. Agora, com o lançamento da cabine Top Line, o caminhão firmaria sua posição de sonho de consumo de todos os motoristas e frotas.

Além do novo design, a marca também apresentou um novo conceito de tecnologia. Assim, o painel do Scania 113, apresentado no ano de 1194, ainda hoje é considerado atual entre os caminhões. Por causa da sua atitude de ousadia, a Scania colocou o 113 anos a frente de seus concorrentes. Assim, as vendas ganharam ainda mais impulso consagrando a posição de mais vendido.

Ainda hoje, é muito fácil encontrar um desses modelos pelo tráfego afora. Considerando que as rodovias são os principais meios de promoção do modal rodoviário, o Scania 113 ainda faz parte da produção. Especialmente porque possui uma estrutura confiável, além de bonita.

Scania 113 no Brasil

Mesmo após o fim de sua fabricação, ele continua ganhando as estradas. O Scania 113 é uma junção de durabilidade e economia. Especialmente no quesito manutenção, esse é um daqueles modelos que são aliados do motorista. Além de demandar menores intervenções, as manutenções são mais baratas do que o comum para caminhões.

Atualmente, esse modelo não é mais fabricado. Sua substituição foi feita pelos caminhões série 4. Embora sejam excelentes e mais modernas opções, as novas configurações encarecem um pouco a manutenção. Isso porque, ao contrário de 113, os novos caminhões não compartilham as peças dos modelos anteriores, por causa de suas novas configurações.

Ficha Técnica do Top Line Scania 113

Entre as muitas versões do Scania 113, fez sucesso uma excelente versão de 1998. Trata-se do Top Line Scania 113. O Scania T113h possui a cabine considerada Top Line. Toda a sua força está reunida em um motor DSC 11 23 Turbo / Intercooler. Com uma potência de 360 cavalos, o caminhão pode utilizar 10 velocidades diferente a frente e 2 a ré. Embora haja várias configurações para o chassi, nesse caso, o Scania 113 contava com um cavalo mecânico 4×2.

Com uma história de sucesso, as atividades desse modelo foi encerrada em 1998. Na verdade, as produções é que foram encerradas, já que o modelo em si ainda faz parte e diferença no processo da logística nacional. Por causa da sua durabilidade, provavelmente o modelo ainda será visto por alguns anos no tráfego. A propósito, essa é uma boa notícia, já que se trata de um exemplo dos bons caminhões produzidos.

O processo de logística envolve muito mais do que a retirada e entrega de determinado material ou produto. Toda a estrutura montada por trás de cada processo é o que garante o sucesso das operações. Entre os pontos cruciais para o desenvolvimento do trabalho está a escolha correta do meio de trabalho. Nesse caso, o caminhão é a ferramenta principal da produção. Assim, conhecer e respeitar a história das ferramentas faz parte do processo de introduzir novas técnicas e aprimorar os serviços. Além disso, toda evolução compreende uma origem. E, uma origem boa abre caminhos para a construção de uma nova e excelente história.

Deseja saber mais sobre o assunto? Basta entrar em contato com a gente!

[]
1 Step 1
Assine nossa newsletter e aprenda a tornar sua frota mais eficiente, sustentável e automatizada!
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
Gostou? Então compartilhe!

Comments are closed.