Confira 6 medidas de segurança no transporte de cargas

medidas de segurança no transporte de carga

O meio logístico compreende muitas estratégias e pontos importantes. Algumas delas não saem de pauta nunca, pois resolvem questões que estão presentes o tempo todo. Assim, as medidas de segurança no transporte de cargas são muito mais do que práticas de rotina. Elas são também uma maneira de manter uma rotina segura nos transportes, além de garantir que as entregas sejam ágeis e precisas.

Algumas das medidas de segurança são cruciais para o que o trabalho tenha sucesso. Por isso, nós reunimos as principais delas aqui para que você acerte na promoção de um transporte cada vez mais seguro e eficiente.

1 – Treinamento de motoristas

Essa é uma das medidas mais eficazes na hora de promover a segurança no processo de transporte de cargas. Afinal, ter todos os envolvidos no processo realmente como parte efetiva do trabalho faz toda a diferença. Além disso, os motoristas são quem vivem o cotidiano das estradas e sofrem os impactos mais diretos de cada acerto ou falha.

Isso implica que os motoristas devem passar por tantos treinamentos quanto sejam possíveis. Como parte da experiência eles devem receber informações de todas as formas. Assim, palestras, informativos, workshops, cursos e tudo o mais que diga respeito a algum tipo de especialização sobre o assunto, devem ser ofertas constantes para a equipe.

2 – Manutenções preventivas

Entre as melhores medidas de segurança no transporte de carga, você também deve considerar a garantia de que todos os itens da frota estejam com suas manutenções em dia. Pois, elas são capazes de fazer milagres pela segurança do veículo, ocupantes e carga.

Uma grande parte dos acidentes que ocorrem na estrada tem tudo a ver com o estado dos veículos. Afinal, peças que não são substituídas ou reparadas no devido tempo podem causar grandes desastres. Assim, o ideal é manter atual um cronograma que controle e garanta que os veículos estejam sempre no melhor estado possível.

3 – Planejamento de rotas

Essa é uma boa maneira de adiantar várias questões sobre o trajeto. Mas, planejar as rotas também eleva o potencial de segurança da frota. Afinal, uma rota previamente calculada permite que se escolha caminhos melhores, horários melhores e condições melhores de tráfego.

Logo, planejar as rotas é uma excelente maneira de potencializar a segurança. Assim, você garante que a carga esteja em locais mais seguros em horários melhores. Como resultado, o transporte de cargas estará mais seguro.

4 – Variação de rotas

Além do planejamento de rotas, também é importante investir na variação dela. Embora pareça uma ideia simples, ela também é uma das importantes medidas de segurança no transporte de carga. A propósito, você já deve imaginar porque isso é tão importante.

Um dos grandes desafios do trânsito brasileiro é o crescente número da violência. Assim, os mal intencionados acabam se aproveitando de situações para cometer os mais diversos tipos de crime. Assim, vale a pena evitar dar a munição para o perigo. Então, a ideia aqui é adotar caminhos diferentes para a realização das rotas. Entretanto, claro, as variações também precisam se basear na estrutura, segurança e possibilidades da nova rota em questão.

5 – Aquisição de seguros

Para os mais conservadores, a aquisição de um bom seguro para a carga também está entre as medidas de segurança no transporte de carga. Certamente é um item que ninguém deseja utilizar. Entretanto, em um momento de dificuldade isso pode fazer toda a diferença.

A ideia em torno da contratação de seguros é a de garantir que não haja perdas caso haja problemas com a carga em algum momento. Assim, ao contratar um seguro para a carga, a empresa garante a indenização de possíveis perdas no caminho.

6 – Rastreamento veicular

Por fim, embora ainda haja outras ações possíveis, o rastreamento veicular encerra essa lista de medidas de segurança no transporte de carga. E, é possível que esse seja um dos maiores aliados dos gestores de frota. Aqui há a exploração intensa de artigos de tecnologia que facilitam em muito o trabalho.

De maneira geral, um bom sistema de rastreamento e monitoramento está acompanhado de softwares eficientes. A partir deles é possível saber detalhes sobre as viagens mesmo estando longe dos veículos. Através de atualizações em tempo real, você saberá exatamente onde está cada veículo de frota. Além disso, você poderá saber de todo o desempenho de cada metro rodado. Isso inclui registros de acionamento, abastecimento, velocidade e até comportamento do motorista.

A partir do levantamento das informações, o rastreamento de um veículo também dá munições importantes para a tomada de decisões por parte da gestão de frotas. Como resultado, o transporte de cargas recebe um impacto positivo em questões como consumo, desempenho e, claro, em segurança também.

Leia também: 6 dicas na hora de contratar motoristas para sua frota

Descubra também tudo o que você precisa saber sobre telemetria no site da Econômica!

Gostou? Então compartilhe!

Comments are closed.