Como prevenir acidentes na sua frota

prevenir acidentes

Um dos grandes problemas enfrentados pelas frotas espalhadas pelas vias do país é a ocorrência de acidentes de trânsito. Por isso, saber como prevenir acidentes na sua frota é uma excelente maneira de contribuir com a fluidez do tráfego. Mais do que isso, é possível contribuir com a segurança dos condutores, a preservação dos veículos e das cargas.

Afinal, gerir uma frota não se trata apenas de saber adquirir bons veículos, cuidar em distribui-los de forma eficiente ou monitorar o processo de logística. Para além de todas essas habilidades, a atividade também deve se inteirar e contribuir para uma boa dinâmica de tráfego. O que significa dizer que, prevenir acidentes também deve ser pauta da ação de gestores.

Para tornar eficiente o sistema que pode prevenir acidentes, o gestor deve introduzir e fazer valer algumas atitudes práticas.

Investimento em Manutenção Preventiva

Embora pareça óbvio, nunca é demais lembrar o quanto a manutenção preventiva dos veículos pode prevenir acidentes. Na verdade, independente do tipo de veículo a ser utilizado, todos precisam de constantes manutenções. A propósito, são exatamente as manutenções prévias que poderão adiantar o processo de ajuste ou troca de peças que ainda não manifestaram concretamente as falhas, mas  que já estejam dando avisos.

Essa prática consiste em agendamentos prévios baseados em fatores como desempenho do veículo ou tempo de utilização. Agindo assim, além de evitar os impactos de uma falha súbita, pode impedir que acidentes aconteçam.

Planejamento Estratégico de Rotas

Planejar as rotas de maneira estratégica também é uma boa maneira de prevenir acidentes. Aliás, com uma prévia visão do percurso, é possível que se programe horários de trânsito em regiões consideradas perigosas, que se considere rotas mais curtas, que se tenha informações das condições da via, dos pontos de apoio, restrições de circulação de veículos dentre outras questões.

Portando as informações relevantes e introduzindo-as no cotidiano dos condutores, além de economia, é possível promover segurança.

Adoção de Sistema de Monitoramento

Há no mercado incontáveis tipos e maneiras de implantação de sistemas de monitoramento. A adoção de uma boa tecnologia não apenas impacta na proteção da carga e do veículo, mas, também pode dizer muito sobre o percurso. Afinal, através do monitoramento e transmissão de dados, os gestores podem analisar o comportamento dos condutores, além do desempenho do veículo. Isso permite que os a gestão de frotas direcione o tratamento correto ao veículo e um treinamento personalizado ao condutor. A boa análise dos dados coletados aliados à boa gestão, atuarão de maneira a potencializar a segurança e prevenir acidentes.

Investimento nas Condições Operacionais

Nem sempre a agilidade está condicionada à eficiência do processo considerado. Aliás, a produtividade considera não só a rapidez do trajeto ou a quantidade de viagens feitas. Para além disso, a eficiência da produtividade está em potencializar os ganhos, ao mesmo tempo em que reduz custos e riscos.

Por isso, considerando que grande parte dos acidentes acontecem por falhas humanas, uma das principais áreas em que se é possível promover a prevenção de acidentes é o investimento nas condições operacionais. O que significa dizer que os condutores devem contar com tempo e possibilidades de descanso efetivo. Da mesma maneira, devem ter seus intervalos de refeições respeitados, assim como a própria provisão da refeição.

Enfim, é necessário que os prazos oferecidos aos clientes pelos operadores considerem as boas condições operacionais para que tudo seja feito com segurança. Boas condições de trabalho também significam bom desempenho dos trabalhadores.

Treinamento de Condutores

Por fim, é importante que os motoristas sejam constantemente treinados e conscientizados acerca da direção segura. Investir na prática da direção defensiva, por exemplo, é um grande diferencial nas estradas.

Embora algumas práticas cotidianas pareçam inofensivas, a adoção de atitudes simples podem prevenir acidentes. É o caso, por exemplo, da utilização dos celulares. Os motoristas devem estar conscientes de que, esta prática é uma grande promotora de acidentes, entretanto, utilizados com responsabilidades são armas de segurança.

Outra prática comportamental que impacta na segurança do trajeto é a direção responsável. Isso implica que o condutor deve estar em condições para a direção do veículo. Condições de saúde, de alimentação, de sobriedade devem ser analisadas pelo próprio condutor. Além disso, o comportamento consciente inclui a utilização correta do cinto cinto de segurança, o respeito às leis de trânsito e limites de velocidade. Além, claro, do respeito ao espaço alheio, de outros veículos ou de pedestres, também é essencial para a manutenção da segurança no trânsito.

Dessa forma, ao adotar um conjunto de ações intencionais e direcionadas, a gestão de frotas se faz uma grande responsável por prevenir acidentes.

[]
1 Step 1
Assine nossa newsletter e aprenda a tornar sua frota mais eficiente, sustentável e automatizada!
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
Gostou? Então compartilhe!

One Response