Centro de distribuição: tire suas dúvidas

centro de distribuição

Tempos novos pedem soluções adequadas. Com o desenrolar da logística como um dos principais negócios da atualidade, a utilização de um centro de distribuição para o atendimento de demandas tem sido uma solução recorrente. Mais do que isso, é um promissor campo de negócios.

A adoção de um centro de distribuição como medida de entrega de produtos é benéfica em vários aspectos. Além de facilitar a vida de quem produz ou vende, otimiza o tempo de entrega para o consumidor.

Apesar da crescente e vasta utilização desse sistema, ainda ficam dúvidas no ar sobre o seu funcionamento. A fim de saná-las, as principais delas estão selecionadas e reunidas logo abaixo.

O Que é Um Centro de Distribuição?

Um Centro de Distribuição, o famoso CD, é uma crescente estratégia de armazenamento de produtos. Sua principal ideia é funcionar como uma cadeia logística de desempenho potencializado. De maneira geral, trata-se de um espaço especialmente preparado para receber, separar e enviar produtos diversos. A fim de ganhar agilidade na entrega, esse tipo de estabelecimento trabalha para garantir uma entrega mais segura e mais rápida até o consumidor final.

Nesse tipo de serviço o procedimento de entrega não pertence ao produtor. Embora ele seja responsável pela satisfação do cliente final, o processo de entrega é terceirizado. Então, o centro de distribuição recebe, separa e faz com que cada produto siga a rota designada no ato de compra.

Como Funciona Um Centro de Distribuição?

De maneira geral, os centros de distribuição recebem produtos de diversos fornecedores. Após armazenar as grandes quantidades, o estabelecimento passa ao processo de separação das mercadorias. Nesse momento a separação é feita de forma fracionada. Através de sistemas mecanizados a estrutura se movimenta de forma a direcionar cada produto para o seu consumidor final .A partir do fracionamento conforme a demanda, cada mercadoria é enviada ao seu consumidor, garantindo que haja rapidez e boa experiência para o cliente final.

Quais Movimentar Corretamente as Entradas e Saídas de Produtos?

Por ser a principal atividade de um centro de distribuição, a movimentação dos produtos deve receber uma atenção importante. Afinal, o sucesso da operação depende efetivamente do cuidado na recepção, conferência e envio de cada mercadoria.

Para garantir que não haja confusões, o processo passa por um rigoroso controle. Esse cuidado vai desde o trabalho individual de cada colaborador até a gestão correta da equipe de liderança. No que diz respeito ao trabalho individual, cada operador dedica máxima atenção em tarefas que vão desde a emissão de notas fiscais de cada movimentação até a atualização contínua do estoque no sistema. Já no que diz respeito à gerência, os líderes são responsáveis pela implementação de panos operacionais que garantam a eficácia do sistema e a economia de recursos.

Como Evitar Gastos em Um Centro de Distribuição?

Um dos principais desafios de um centro de distribuição é otimizar a produtividade enquanto reduz os gastos. Apesar de parecer um paradoxo isso é plenamente possível. Para isso, a unidade deve contar com um plano gerencial e operacional que preveja os gargalos de despesas e suas possíveis soluções.

Apesar de o sucesso das operações dependerem muito do comprometimento de cada peça da operação, ter um plano a ser seguido é muito importante. São ações de implementação de controle automatizado que potencializam o atingimento dos objetivos. Nesse caso, é crucial trabalhar com um sistema que potencialize o trabalho operacional. São programas que permitem a categorização de mercadorias, o controle rigoroso de estoques e a atualização funcional do inventário. A fim de que tudo saia como o planejado, é necessário suprir o trabalho com sistemas eficientes e de utilização facilitada.

Como Evitar Erros no Envio de Mercadorias?

Não é difícil encontrar pessoas que, após uma compra online, tenham recebido um produto diferente daquele que pediu. Da mesma forma, muitas acabam nem recebendo a sua mercadoria. Isso acontece quando o controle da unidade de distribuição não funciona corretamente. Mas, um bom sistema logístico é capaz de minimizar essas ocorrências e garantir uma maior satisfação no serviço.

Para isso, o controle rígido deve começar na separação da mercadoria. Nesse momento, faz toda a diferença possuir um sistema tecnológico especialmente desenvolvido para esse fim. Em seguida o despacho também deve ser sofrer igual e rigoroso controle. A fim de que nada se perca, os gestores devem abusar das inovações tecnológicas. É a partir desse tipo de implementação que os riscos de erros são diminuídos. Consequentemente há um número infinitamente maior de pessoas satisfeitas na ponta de consumo da relação.

Como mais uma das estratégias do mundo logístico, a utilização da unidade de distribuição como ferramenta de otimização de serviços traça um caminho de crescimento. Afinal, quando cada executa aquilo que tem mais habilidade, o resultado é um serviço rápido, mais barato e de qualidade.

Quer saber mais? Fale com a gente!

[]
1 Step 1
Assine nossa newsletter e aprenda a tornar sua frota mais eficiente, sustentável e automatizada!
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right

 

Gostou? Então compartilhe!

Comments are closed.